Notícias

Oficinas de Sensibilização com adolescentes em medida socioeducativa

Equipe do Novas Trilhas que trabalha diretamente nas oficinas de sensibilização.

Quando se trata do acompanhamento de adolescentes que passaram pelas medidas socioeducativas, algumas palavras são extremamente importantes, como cuidado, confiança, protagonismo, possibilidades e acolhimento. Pensando nisso, a primeira estratégia do projeto Novas Trilhas para aproximar-se do seu público são as oficinas de sensibilização. 

O objetivo é um envolvimento sensível dos jovens e familiares com o projeto, para que haja maior engajamento. São três frentes de atuação: para profissionais, com foco na construção do diálogo entre equipes das unidades socioeducativas e dos CREAS com a equipe do Novas Trilhas; para famílias, que busca alinhar as expectativas e participação de familiares no acompanhamento do projeto; para os adolescentes, que estimula a participação e o engajamento voluntário nas atividades do programa.

Para cada oficina, são pensados um plano e uma metodologia, capazes de construir um espaço de acolhimento e de escuta, em que os participantes se sintam seguros em compartilhar questões pessoais. São utilizadas estratégias capazes de gerar interesse e desejo de estar ali compartilhando alegrias, emoções e informações, de forma leve e lúdica.

“Hoje temos uma metodologia para cada público, acreditando que cada um tem sua especificidade e particularidade. Buscamos respeitar características, linguagens, modo de vida, gírias e gosto musical, e utilizamos a arte e cultura, como capoeira, música e leitura, como ferramentas de atração e sensibilização”, relata Ana Cristina, analista socioeducativa do projeto.

E é por meio da escuta, troca e acesso a direitos que a Luta pela Paz segue criando novos caminhos para adolescentes, gerando oportunidades e oferecendo ferramentas para que meninos e meninas possam desenvolver habilidades e escrever suas próprias histórias. 

Esse projeto é executado pela Luta pela Paz (LPP) em parceria com o governo do Estado do Ceará, que compõe o Programa de Oportunidades e Cidadania (POC) proposto pela Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (SEAS). 

Quer ficar por dentro das novidades do projeto? Então acompanhe também nossas redes sociais. 

Você também vai se interessar por…

OPORTUNIDADE

Envie sua proposta até dia 28/11 para a Consultoria em Treinamento. A Consultoria em Treinamento terá por objetivo a...

VAGAS DE EMPREGO

Inscrições abertas até dia 04/12 para a vaga de Analista de Departamento pessoal da Luta pela Paz, no Rio de Janeiro....