CRIAndo Rede: Nossa união faz a diferença para crianças e jovens na Maré

O projeto da Luta pela Paz em parceria com UNICEF, Redes da Maré e Observatório de Favelas tem como foco o fortalecimento das redes de proteção de crianças e jovens – sobretudo no que diz respeito à saúde mental.

CARTA-COMUNICADO

Projeto CRIAndo Rede - proteção à vida de crianças e adolescentes da Maré

 

Com foco nas crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade diante do contexto da pandemia da covid-19 nas favelas da Maré, Unicef e Luta pela Paz firmaram uma parceria para o desenvolvimento do projeto CRIAndo Rede: proteção à vida de crianças e adolescentes da Maré.

A iniciativa será desenvolvida em conjunto com Redes da Maré e Observatório de Favelas, em uma ampla cooperação técnico-institucional que irá possibilitar o intercâmbio de informações e experiências, além do desenvolvimento de estratégias e ações integradas.

Dentre as ações que serão desenvolvidas até o mês de setembro, a Redes da Maré será responsável pela identificação das famílias e suporte material por meio de cestas básicas e kits de higiene, além do monitoramento de casos de covid-19 e do acesso aos serviços do sistema de proteção por meio do canal De Olho no Corona.

Com o intuito de promover o fortalecimento das famílias mais vulneráveis diante dos múltiplos fatores de risco à violência e violação de direitos, a Luta pela Paz irá realizar visitas domiciliares e oferecer espaços online seguros de apoio psicossocial de mais de 300 as crianças, e adolescentes e jovens. Será oferecido atendimento psicológico remoto, utilizando a metodologia dos “Diários da Quarentena”, uma ferramenta de acompanhamento do processo de cuidado da saúde mental. Jovens mobilizadores da Maré também atuarão como agentes promotores da Saúde Mental, produzindo e disseminando conteúdos.  

O Observatório de Favelas será responsável por pesquisa sobre violência contra crianças, adolescentes e jovens da Maré, utilizando dados e informações coletadas por meio de entrevistas com profissionais da rede local de proteção para compreensão das dinâmicas locais de violência e análise do sistema de proteção. O estudo visa produzir subsídios para ações de prevenção da violência e para o fortalecimento da rede de garantia de direitos de crianças, adolescentes e jovens no território.

 Será realizado ainda o mapeamento de atores da rede de garantia de direitos para identificação de gargalos do sistema local de proteção. A ideia é realizar recomendações às políticas públicas para adaptação e fortalecimento da rede e protocolos durante e pós a pandemia.

Com a realização do Unicef e coordenação executiva da Luta pela Paz, as organizações trabalharão de forma conjunta, cada uma com sua expertise e aporte metodológico, para o desenvolvimento de ações integradas com o objetivo promover a proteção emergencial de crianças, adolescentes, jovens e suas famílias.

 

Rio de Janeiro, 6 de Agosto de 2020.

ASSOCIAÇÃO REDES DE DESENVOLVIMENTO DA MARÉ
LUTA PELA PAZ
OBSERVATÓRIO DE FAVELAS DO RIO DE JANEIRO

UNICEF